NOTICIA

Egresso da Engenharia Química, Leonardo Mathias Leidens, da Universidade de Caxias do Sul, conquista Prêmio Destaque de Iniciação Científica do CNPq

03/06/2019 09:06

O Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) anunciou os vencedores do 16º Prêmio Destaque na Iniciação Científica e Tecnológica, na última segunda-feira, 27. Foram agraciados dois bolsistas em cada área do conhecimento, um de iniciação científica e um de iniciação tecnológica, além do mérito institucional
 
Ao todo, foram recebidas 573 inscrições de 193 instituições, sendo 145 universidades e 48 institutos de pesquisa. Desse total, 213 eram da área de Ciências Exatas, da Terra e Engenharias; 209 eram da área de Ciências da Vida e 151 eram relativos à área de Ciências Humanas e Sociais, Letras e Artes.
 
Para avaliação dos trabalhos dos bolsistas, a Comissão Julgadora observou os critérios definidos no Regulamento do Prêmio: mérito, relevância e qualidade do relatório final; originalidade e inovação; aplicação prática da pesquisa para a solução de problemas concretos e com resultados finais; e perfil, histórico escolar, atuação e atribuições do bolsista do ponto de vista do orientador.
 
O critério considerado para a premiação da categoria Mérito Institucional foi a agraciada ser a instituição do PIBIC com maior índice de egressos titulados na pós-graduação, em cursos reconhecidos pela CAPES, e ter bolsistas inscritos nesta edição do Prêmio.
 
Os bolsistas vencedores receberão R$ 7 mil em dinheiro e bolsas de mestrado ou de doutorado no país. A instituição ganhadora na categoria Mérito Institucional será agraciada com troféu e dez bolsas adicionais de PIBIC e/ou PIBITI em sua cota. Os agraciados nas categorias Iniciação Científica e Iniciação Tecnológica, bem como o dirigente da ganhadora na categoria Mérito Institucional também receberão hospedagem e passagens aéreas para participarem da Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), que acontecerá na Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS), em Campo Grande, de 21 a 27 de julho de 2019. 

O Prêmio
 
O Prêmio é atribuído em três categorias: bolsista de Iniciação Científica, bolsista de Iniciação Tecnológica, e Mérito Institucional. O objetivo do Prêmio é reconhecer os bolsistas de iniciação científica e tecnológica que se destacaram durante o ano, sob os aspectos de relevância e de qualidade do seu relatório final, bem como as instituições participantes do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica (PIBIC), que contribuíram de forma relevante para o alcance dos objetivos do Programa.
 
Os vencedores
 
Os vencedores da 16ª edição do Prêmio Destaque na Iniciação Científica e Tecnológica são:
 
Categoria Ciências Exatas, da Terra e Engenharias
 
Iniciação Científica - Leonardo Mathias Leidens- da Universidade de Caxias do Sul (UCS),  tendo como orientador Carlos Alejandro Figueroa, com o trabalho intitulado: "Interpretação química da adesão de filmes finos de carbono amorfo hidrogenado em ligas ferrosas mediante intercamadas contendo silício: efeito do etching seletivo de plasma de hidrogênio". 
 
Iniciação Tecnológica - Felipe Antunes Quirino- da Universidade Federal do Pampa (UNIPAMPA), tendo como orientador Alessandro Gonçalves Girardi, com o trabalho intitulado: "A GESTURE DETECTION GLOVE FOR HUMAN-COMPUTER INTERACTION".
 
Categoria Ciências Humanas e Sociais, Letras e Artes
 
Iniciação Científica - Higor Railan de Jesus Pereira- da Universidade Federal do Amapá (UNIFAP), tendo como orientador Sidney da Silva Lobato , com o trabalho intitulado: "ENTRE A CRUZ E A ENXADA: A ATUAÇÃO DA PASTORAL DA TERRA NO AMAPÁ (1985-2017)".
 
Iniciação Tecnológica - Gabriel Closel Gomes Martins - do Centro Universitário SENAC - Santo Amaro (São Paulo-SP), tendo como orientadora Polise Moreira de Marchi, com o trabalho intitulado: "A utilização da realidade aumentada móvel na experiência das artes urbanas".
 
Categoria Ciências da Vida
 
Iniciação Científica - Dionísio Pedro Amorim Neto - da Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP),  bolsista IC do Laboratório Nacional de Biociências (LNBio) / Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (CNPEM) e aluno da Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP), tendo como orientador o professor Matheus de Castro Fonseca com o trabalho intitulado: "Microtomografia de raios-x de alta resolução baseada em Luz-Síncrotron para o estudo tridimensional da morfologia neuronal em tecidos inteiros".
 
Iniciação Tecnológica - Nathália Araújo Macêdo- da Universidade Federal de Sergipe (UFS),  tendo como orientador Sócrates Cabral de Holanda Cavalcanti, com o trabalho intitulado: "Síntese de derivados do indol benzenosulfonilado potencialmente ativos contra larvas do Aedes aegypti".
 
Categoria Mérito Institucional
 
Universidade Federal de Santa Maria - UFSM



Fonte: CNPq

Educação aprova reserva de vagas ociosas para idosos em universidades

18/10/2019 10:33

MEC reformula proposta do Future-se e diz que lançará nova consulta pública até o dia 28

18/10/2019 10:09

Pagamento de bolsas do CNPq está garantido este ano, diz governo

18/10/2019 08:21

INSCREVA-SE PARA RECEBER NOVIDADES

Artigos, notícias e informativos sobre legislação da área da educação



CONTATO

SEPN 516 Norte, Bloco D, Lote 9,

Edifício Via Universitas, 4° andar

CEP 70.770-524 - Brasília - DF

Entrada pela via W2

(61) 3349.3300

(61) 3347.4951

(61) 3030.2200

(61) 9.9370.3311

abruc@abruc.org.br

REDES SOCIAIS

COPYRIGHT © 2018 ABRUC. A ABRUC não é responsável pelo conteúdo de sites externos.